Governo de Goiás atende famílias de Itumbiara com coleta de assinaturas em escrituras do bairro Wilsina Barbosa


 
Depois de 10 anos de espera, o autônomo Joel Alves da Rocha, de 70 anos, finalmente assinou nesta segunda-feira (13/9) a escritura de sua moradia no bairro Dona Wilsina Barbosa, conhecido como Dona Sinica, em Itumbiara. O município recebeu a equipe da Agência Goiana de Habitação (Agehab) em mais uma ação do Programa de Regularização Fundiária Urbana do Governo de Goiás, desta vez para coleta de assinatura em escrituras de 164 imóveis do Dona Sinica, implantado há mais de 20 anos. A ação aconteceu na Quadra Coberta do Setor Ulysses Guimarães, obedecendo a todos os protocolos de segurança em razão da pandemia. Além da equipe de Regularização Fundiária, participou da ação o diretor Administrativo da Agehab, Valderi Borges.
 
 
Segundo Joel Alves, no bairro só se fala nas escrituras. “Todo mundo está feliz com a chegada da regularização. Agora espero o dia de receber a escritura, um documento muito importante para garantir a propriedade e também a valorização do imóvel”, afirmou ele, durante a ação de coleta de assinaturas. 
 
Também quem comemorou muito foi Josefa Maria Salviano da Paz, mais conhecida no bairro como Dona Zefa, ao ter pela primeira vez nas mãos a sua futura escritura. Ela é doméstica e elogiou a determinação do governador Ronaldo Caiado em atender a população com escritura. “Eu me sinto muito feliz. Há muito tempo estamos esperando essas escrituras. Nosso governador é muito abençoado. Acredito que agora vamos receber a escritura da nossa casa. Creio que agora temos nossa casa e poder fazer os benefícios que a gente nunca teve. Deus é muito bom”, disse Dona Zefa.
 
As ações de regularização fundiária em Itumbiara acontecem atualmente nos bairros Dona Sinica e Vila Mutirão, onde as famílias também já assinaram as escrituras. O cadastro das famílias foi feito este ano. A Agehab está destravando todos os processos para que o benefício chegue o mais rápido possível às famílias que aguardam há décadas pela escritura de seus imóveis.
 
Desde o início da atual gestão, em 2019, foram retomados cadastramentos e os levantamentos topográficos para legalização de bairros e imóveis implantados em áreas de domínio do Estado em diversas regiões. Foram entregues cerca de 3 mil escrituras e outras 4,5 mil estão em andamento na Agehab. A determinação do governador Ronaldo Caiado é para que o programa de regularização fundiária urbana avance em todo o Estado. O orçamento para a execução do programa é de R$ 15 milhões, até o final de 2022, recursos do Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege).
 
Credito fotos
: Robson Henrique/Prefeitura de Itumbiara

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.